Silvio Barbato

Regente titular da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, Diretor Artístico do Teatro Nacional Cláudio Santoro em Brasília, Silvio Barbato estudou composição e regência com Cláudio Santoro.

No Conservatório Giuseppe Verdi em Milão, recebeu o diploma de Alta Composição na classe de Azio Corghi. Ainda na Itália frequentou a classe de Franco Ferrara colaborando com o maestro Romano Gandolfi no Teatro Alla Scala. Em Chicago, realizou seu PhD em Ópera Italiana sob a orientação de Philip Gossett.

Entre seus inúmeros trabalhos com artistas internacionais, destacam-se: Aprile Millo em Nova York, Montserrat Caballé no Teatro Arthur de Azevedo e Roberto Alagna e Angela Gheorghiu no Festival de Campos do Jordão.

Diretor musical do Filme ?Villa Lobos – Uma vida de Paixão?, autor do projeto ?Uma Edição Crítica das 14 Sinfonias de Cláudio Santoro? e Guest Conductor do Balé da Flórida. Silvio Barbato também regeu na temporada de 1998/1999, a Chursachsische Philharmonie na Alemanha, e a orquestra Villa Lobos na Sala São Paulo.

Sua agenda para o ano 200 incui concertos com a Orquestra Sinfônica Siciliano , Orquestra Sinfônica de San Remo, Orquestra Sinfônica do Cairo, Orquestra Filarmônica de Hamilton, Orquestra do Festival Real de Helsinki e a abertura da temporada do Teatro Nacional Claudio Santoro com a ópera ?Carmen?.